Quer participar neste blog, tem alguma ideia ou sugestão para dar? easylado@sapo.pt

.Posts mais comentados

129 comentários
21 comentários
13 comentários
8 comentários
7 comentários

.posts recentes

. Individualismo-social

. Fidel Castro

. Se não estiveres a lutar...

. Lock her up? Não obrigado...

. A lei e a religião (o cas...

. É claro temos défice

. E ainda as eleições de 20...

. O Bolo-Rei

. Vota Bloco de Esquerda

. Eleições Legislativas 201...

Pesquisa personalizada
Terça-feira, 3 de Novembro de 2009

Taxas sobre pagamentos electrónicos

Por vezes na vida portuguesa aparece uma notícia que toma proporções totalmente mítico-idiótica. A "nova" taxa sobre os pagamentos por multibanco é uma dessas notícias.

Primeiro porque a taxa já existia, sim, essa taxa já existe e os comerciantes já a incluem nos preços dos produtos. A única diferença é que agora vão ter que anunciar a dita taxa, podendo dizer se a aplicam ou não, aplicam no produto final, porque todos eles já a pagam, e iram continuar a pagar à Banca. Tal como pagam a luz, a água e o aluguer das máquinas de multibanco. Esta nova lei não vai encarecer os produtos, como muitos, erradamente andam a dizer, quanto muito pode fazer descer os preços para as pessoas que optarem por pagar em dinheiro.

Esta taxa não deixa de ser uma grande mina de ouro para a Banca, que apesar de não fazer nada ainda vai amealhando uns cêntimos por cada compra. Acrescendo que alguns bancos já começarem a taxar os pagamentos por internet. Os bancos não só deixaram de pagar a funcionários que anteriormente tratavam, ao balcão, de todas as transferências e pagamentos como agora cobram pelo serviço! Uma verdadeira "mina de ouro" que a Banca arranjou.

publicado por Bruno C. às 09:22
link do post | comentar | favorito
|  O que é?
2 comentários:
De Rfein a 3 de Novembro de 2009 às 09:31
Bom dia. Um pequeno reparo: esta taxa não será para a "Banca", mas sim para os vendedores, e apenas se eles a quiserem cobrar!!! O que diz a directiva europeia, é que, os vendedores, PODEM cobrar uma taxa pelos pagamentos efectuados com cartão. Aí o comprador, poderá ou não seleccionar o local de compra tendo em conta o possível pagamento da taxa AO VENDEDOR, e não à "Banca".
Espero que não a cobrem!!!
Um abraço
De Bruno C. a 3 de Novembro de 2009 às 22:27
Boa noite. Não vou estar a discutir semantica, os comerciantes sempre pagaram uma taxa à banca, por isso é que em alguns estabelecimentos não deixavam efectuar pagamentos menores que 5 euros.
Neste momento a única coisa que pode acontecer é os preços baixarem para quem paga com dinheiro vivo. Porque os comerciantes já absorviam a taxa, a única coisa que muda é que agora pode existir uma discriminação positiva contra o pagamento por MB.
Como aparece nos talões o preço + IVA agora vai aparecer antes do preço final mais a TAXA.

Comentar post

.links

.tags

. todas as tags

.pesquisar

 

.participar

. participe neste blog

.mais sobre mim

Twingly BlogRank Estou no Blog.com.pt Blog Flux Directory BRDTracker Central Blogs Page Rank

.arquivos