Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Reactor 4

esquerda snowflake, lobo marxista easylado@sapo.pt

Reactor 4

esquerda snowflake, lobo marxista easylado@sapo.pt

Morte por causa de piropo punida com 11 anos

10.07.07 | Bruno C.

O jovem de 21 anos que matou um homem à facada, sim à facada! Homem este que era trolha e como todos sabemos está nos genes deles mandar piropos! Pois bem, este jovem foi condenado a 11 anos de prisão, 11 anos perguntam vocês, mas o homicídio qualificado não é de 12 a 25 anos? É. Mas o colectivo de juízes do Tribunal de S. João Novo, no Porto, decidiu baixar a qualificação do crime para homicídio simples (8 a 16 anos), por ter entendido, entre outras coisas, que a agressão fatal "não foi por um motivo fútil" e que a "a vítima nada fez para evitar a situação".

Sim, a vitima quando viu o rapaz de cutelo em punho devia ter evitado morrer.

Mas eu conto como foi a história:

 

O arguido, que na altura se encontrava com a namorada, mas em lados opostos da rua, começou por aperceber-se de que um dos três homens que passavam no local - entre eles a vítima mortal, Paulo Sousa, operário da construção civil de 43 anos - dirigiu umas "bocas" à jovem. "Que linda menina. Papava-te toda", terá sido a expressão. Daniel foi logo ter com dois dos homens e perguntou-lhes se precisavam de óculos.

Após uma breve troca de palavras, foi buscar uma tábua a um contentor do lixo para intimidar os dois indivíduos, mas perante a resistência oferecida acabou por largá-la, entrando de seguida num restaurante, onde agarrou uma faca de cozinha com 24 centímetros de lâmina. O jovem voltou para rua e espetou a faca no peito de Paulo Sousa, na zona clavicular direita, causando-lhe a morte. De seguida, deixou a faca no restaurante e fugiu.

 

Depois de ouvir esta história brilhante, o colectivo de juízes concluiu que a facada foi intencional, (mau era, ninguém espeta uma faca de 24 cm por acaso!), mas entendeu que o crime não se enquadrava nos pressupostos do homicídio qualificado, porque "não teve um motivo torpe ou fútil". "O motivo da facada não foi meramente o piropo, mas também o conflito subsequente (o conflito subsequente???? qualquer dia estamos no velho oeste e resolvemos tudo com duelos).