Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Reactor 4

esquerda snowflake, lobo marxista easylado@sapo.pt

Reactor 4

esquerda snowflake, lobo marxista easylado@sapo.pt

Guantánamo, liberdades e leis

06.12.07 | Bruno C.

O Tribunal Supremo dos Estados Unidos mostrou nesta quarta-feira que está dividido quanto aos direitos dos presos em Guantánamo. Pelo menos já se discute uma das grandes atrocidades dos tempos modernos. A grande questão que está a ser discutida é se o princípio da igualdade também se estende aos 305 detidos na base americana localizada em território cubano. Sim, porque os detidos em Guantánamo chegam a ficar encarcerados até 6 anos sem serem acusados formalmente. Os direitos são claramente negados, sem direito a habeas corpus. Sendo que a lei cubana não tem jurisdição em Guantánamo e pelos vistos a lei americana não é aplicada a base militar é realmente um lugar sem lei. Um pequeno “oásis jurídico” onde não existem direitos humanos nem convenção de genebra. Ainda bem que está nas mãos dos paladinos da democracia e do mundo livre, se não o que seria do mundo...