Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Reactor 4

esquerda snowflake, lobo marxista easylado@sapo.pt

Reactor 4

esquerda snowflake, lobo marxista easylado@sapo.pt

Pensando sobre... FCP

16.08.06 | Bruno C.
Foi-me pedido, por amigos e conhecidos próximos!, que escrevesse qualquer coisa, que eu só falava nas nossas tertúlias de café mas que nunca concretizava as minhas ideias sobre diversos temas. Assim, durante os próximos tempos vou tentar deixar aqui algumas considerações mais extensas sobre vários temas.
Hoje aprouve-me escrever sobre o actual momento de FCP e do seu presidente JNPC. Este é para ti Steve!. Assistimos nestes últimos dias a uma grande confusão e abalo no seio do FCP. Adriaanse demitiu-se, JNPC tenta, e deve conseguir, roubar o treinador do Bessa. Mas antes um ponto prévio, desde os anos do Penta (94/95-98/99) que a carreira do FCP tem sido pautada por uma queda constante, apenas amenizada pelos dois anos de Mourinho (02/03-03/04), e ininterrupta para o desastre pautada por atitudes disparatadas de JNPC, perante a passividade de toda a comunidade portista e apoiada, de uma forma quase divina, por todos aqueles que dão a cara na TV. Na época 2000/01, Fernando Santos já não devia ter sido treinador começando aqui a vertigem de contratações falhadas Maric e Pizzi!!. Na época seguinte (01/02) Octávio Machado foi uma contratação sem sentido acompanhado pelas contratações de Quintana, Esnaider, Kaviedes... Depois de Mourinho veio L. Del Neri, podia ter sido uma boa aposta, mas nem tempo teve para mostrar, V. Fernandez, dizia a imprensa que era “gentleman” de mais para ser treinador do FCP!!! (estou certo que ganharia o compeonato se ficasse até ao fim) mas a cereja foi J. Couceiro para os últimos meses de campeonata, afundando a equipa de vez! Isto para não falar das contratações de Pitbull, Fabiano, H. Leal, Léo Lima, Rossato, Bonfim... Finalmente na época passada parecia que o FCP iria encarreirar, Adriaanse apresentou-se como um treinador de fortes convicções, demorou a conseguir que os jogadores entendessem o que queria mas depois conseguiu uma vitória no campeonato e na taça, este ano pedia-se uma boa participação Europeia, algo que não aconteceu na época transata. Mas mais uma vez JNPC faz o impensável contracta 3 ou 4 jogadores que o treinador não pediu e com apenas uma contratação pedida pelo treinador diz que não contracta mais ninguém!!! Quando é claro que o plantel necessita desesperadamente de um bom ponta-de-lança, coisa que vai escasseando de algumas épocas para cá. Resultado: perdemos um bom treinador que tinha montado uma estratégia e uma equipa.
Agora vamos ter um treinador novo, que não conhece a equipa, a três dias de entrar em competição com um esquema de jogo que não quer e que deverá alterar, vejo com preocupação esta nova época competitiva...
No final logo veremos se o dinheiro poupado num ponta-de-lança valerá o resultado desportivo.

1 comentário

Comentar post