Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Reactor 4

esquerda snowflake, lobo marxista easylado@sapo.pt

Reactor 4

esquerda snowflake, lobo marxista easylado@sapo.pt

Regulação do mercado

18.02.09 | Bruno C.

Ainda a propósito do caso BPN, uma breve reflexão sobre o mercado, os reguladores e os regulados. O estado a que esta crise chegou é o resultado de uma indústria financeira que foi deixada à solta. Uma indústria que estava perturbada e que sem olhar a meios está claramente a destruir a própria economia. Precisa desesperadamente de ser controlada. Não podemos deixar de apontar que a criação de crédito, pela sua natureza, precisa de ser regulada de forma a evitar excessos.

Temos que compreender que os mercados não se limitam a adaptar-se passivamente, mas contribuem activamente para definir o decorrer dos acontecimentos. Tanto se reforçam positivamente como negativamente e isso é um grande problema. Para existir uma efectiva regulação, os reguladores precisam de compreender como se comportam os mais recentes produtos financeiros oferecidos pelas instituições e não devem permitir práticas que não compreendem na totalidade.

As autoridades têm de exercer muito mais vigilância e muito mais controlo, especialmente durante a fase de expansão. É necessário limitar a rentabilidade do negócio para que não sejam cometidos excessos que levem ao colapso económico.

É necessário introduzir alterações na relação entre reguladores e regulados rapidamente.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.