Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Reactor 4

esquerda snowflake, lobo marxista easylado@sapo.pt

Reactor 4

esquerda snowflake, lobo marxista easylado@sapo.pt

As escutas do "SOL"

11.02.10 | Bruno C.

O jornal "SOL" vai mais uma vez desrespeitar a lei. Primeiro divulgou escutas ilegalmente, agora mesmo com uma providencia cautelar para não o fazer, vai deliberadamente quebrar a lei. Hoje, Portugal inteiro assistiu à palhaçada que foi a tentativa dos oficiais de justiça entregarem a providência cautelar aos directores do jornal "SOL". Recusando a entrada dos oficiais nas instalações os directores "evitaram" a providência. Mas a cara-de-pau não conhece limites? Esses senhores acham que estão acima da lei?

Atingimos um ponto em que vale tudo para quebrar a lei, em que a perspectiva de lucro nas vendas se sobrepõem à legalidade.

E ainda temos que levar com a Manuela Moura Guedes a falar na televisão sobre censura, como se ela fosse um modelo de isenção e profissionalismo?

Desde quando é que proibir um jornal cometer uma ilegalidade é passível de ser considerado censura? Será que o ódio a Sócrates tolda a visão de tal maneira que tudo passa a ser permitido só para o enxovalhar em praça publica?

Falar mal de José Sócrates passou a ser valor maior da nossa democracia, qualquer notícia vale, qualquer insulto é possível e quem disser que isto não pode continuar é logo acusado de estar a promover a censura em Portugal.

É preciso parar para pensar, é preciso avaliar bem o rumo que estamos a tomar e tentar compreender se estamos a promover a liberdade de expressão ou a patrocinar um linchamento publico do Primeiro-Ministro orquestrado pelos seus inimigos.

1 comentário

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.