Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Reactor 4

esquerda snowflake, lobo marxista easylado@sapo.pt

Reactor 4

esquerda snowflake, lobo marxista easylado@sapo.pt

Capital erótico

06.04.10 | Bruno C.

 

Uma das teorias de base da sociologia é a teoria dos capitais de Pierre Boudieu. Segundo o francês cada um de nós tem três capitais, o económico (ou o dinheiro) o cultural (ou escolar) e o social (o nosso berço, cultura). A ciência moderna pelas mãos de uma socióloga de nome Cathrine Hakim de uma conceituada escola, a London School of Economics vem acrescentar um novo capital: o capital erótico (o Bourdieu deve estar às voltas na tumba).

Na notícia do jornal i lê-se que estudos empíricos mostram que genericamente pessoas bonitas ganham mais do que pessoas feias. Primeiro fica feio dizer estudo empíricos, pois empiricamente o sol anda á volta da Terra e apesar de ser uma ciência social a Sociologia rege-se por padrões científicos muito rígidos. Não duvido que essa seja uma premissa verdadeira, mas há que o provar cientificamente especialmente quando se quer juntar um novo capital a uma teoria tão robusta e comummente usada como a teoria de Bourdieu. Há que se definir o que é uma pessoa bonita de uma pessoa feia, comparar pessoas que ocupam cargos e funções semelhantes, na mesma faixa etária, enfim há muitas variáveis a isolar e muitas delas de difícil definição.

Mais uma vez este artigo mostra a dominação masculina pois se os homens ganham maia do que as mulheres e ocupam lugares de mais poder em relação às mulheres e se são eles que maior importância dão à aparência nomeadamente à beleza e ao novo chamado capital erótico, são eles que escolhem as mulheres para os cargos.

Concordo que se viva numa sociedade mais sexualizada e concordo que a aparência seja importantíssima nos tempos que correm o que eu não concordo é que o tal capital erótico possa ser posto ao lado dos restantes como tendo uma força semelhante na determinação do nosso percurso, tanto porque esse tipo de capital também pode ser comprado e as pessoas ricas tendem a ser mais bonitas do que as pessoas feias e aí a riqueza já é um factor anterior ao da beleza. O que quero dizer é que será que as pessoas ricas o são pela beleza ou são bonitas porque são ricas? É uma pergunta de difícil resposta. Quanto à afirmação de “mais vale ser bonito a ser bom” eu não tenho a certeza, o que digo é que mais vale ter sorte a ser bonito e até mesmo a ser bom.

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.